Poderes falam de unidade durante entrega do Sírio Libanês I, II e III, e beneficiários celebram conquista da casa própria

Categoria: Geral | Publicado: sexta-feira, setembro 24, 2021 as 16:32 | Voltar

Neste ano, foi a segunda participação do Governo Federal numa entrega habitacional

O Governo de Mato Grosso do Sul entregou na manhã de hoje (24), às 10h, em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) e a Prefeitura Municipal de Campo Grande, 256 apartamentos dos residenciais Sírio Libanês I, II ou III, para famílias carentes. No âmbito do Programa Casa Verde e Amarela, a solenidade contou com a presença do ministro da pasta, Rogério Simonetti Marinho.

Em mais uma entrega habitacional de grande porte na Capital este ano, sendo a segunda do MDR, às administrações destacaram o compromisso com a vida humana ao falarem para os beneficiários. Rogério Marinho apontou o trabalho desenvolvido pelo Governo Federal e quanto o brasileiro tem sido prioridade na atual gestão.

“Falar de habitação para nós, é falar de vida, de cidadania e de dignidade! Então a nossa primeira ação não foi de começar novas obras, mas de continuar àquelas já existiam de períodos anteriores, porque o maior respeito que se deve ao cidadão brasileiro pagador de impostos, é entender que o estado brasileiro pertence a sociedade e não ao Governo de ocasião”, disse o ministro.

Os apartamentos entregues desta vez contam com área privativa de 46,63 m² cada, contendo dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço, estrutura que proporcionará qualidade de vida para Pamela Jessica Ribeiro Machado Lopes, de 32 anos, e sua família. Ela contou sobre como a conquista vai melhorar sua vida.

“Está sendo um sonho receber essa casa porque nós não temos condições financeiras para comprar uma, mas a partir daqui vai ser muito mais fácil seguir com o sustento dos nossos filhos. E para o futuro, eu quero ter mais conquistas, meu carro, enfim, uma vida muito melhor, e eu acredito que será assim”, enfatizou a beneficiária, que durante o evento recebeu as chaves do imóvel das mãos do ministro.

Para garantir que Pamela Jéssica e outros beneficiários tenham a casa própria com estrutura completa, a parceria entre os Entes Públicos corresponde ao investimento de R$ 20.480.000,00 milhões, como parte de recursos federais, R$ 4.246.357,65 milhões, do caixa do Estado, e R$ 161.380,61 mil, mais o terreno, proveniente do município.

Flávio César fala do trabalho desenvolvido pelo Estado no setor habitacional e do apoio do MDR.

Em seu discurso, o secretário de Estado de Governo e Gestão Estratégica, Flávio César, destacou o resultado que investimentos do tipo causam no setor habitacional. “O que o Governo de Mato Grosso do Sul tem feito em parceria com a Prefeitura Municipal de Campo Grande, é a transformação social”, pontuou. Durante sua fala, ele ainda mencionou o apoio do MDR para garantir mais casas a população sul-mato-grossense.

Outro membro do Estado presente no ato, o secretário adjunto de Infraestrutura, Pedro Caravina, falou do sentimento que os gestores têm ao ver mais e mais famílias conquistando este sonho. “Participar da entrega de obras é sempre importante para qualquer gestor público, mas quando se trata de moradias, essa importância se multiplica, pois a casa própria traz dignidade para a família beneficiada. Que Deus abençoe os lares de todas essas famílias”.

“É um sonho realizado, de aproximadamente 20 anos de espera. E como você se sabe, pagar um aluguel não é barato, sem contar outras despesas. Mas esse momento chegou glorioso que não consigo explicar como estou, só seu que o coração está acelerado”, contou a beneficiária Lourdes Divina Vilhalva Rodrigues, transparecendo fé no seu depoimento.

Jéssica recebendo as chaves do seu apartamento.

Seis famílias receberam as chaves pelas mãos das autoridades presentes durante o evento. Jéssica Silva Santos, dona de casa, teve a honra de receber os objetos dentro do próprio apartamento; o momento também serviu para a comitiva de Brasília conhecer cada detalhe da nova moradia de beneficiária.

Contratado na primeira gestão de Reinaldo Azambuja, todo os condomínios têm quiosques, playground, quadra de esportes de areia, guarita, estacionamento com 26 vagas de moto e mais 17 vagas para visitantes, totalizando 299 vagas para veículos.

Flávio César representou Reinaldo Azambuja na solenidade. Ela ainda teve a companhia da diretora-presidente da Agehab, Maria do Carmo Avessani Lopes; secretário de Estado de Cidadania e Cultura, João Cesar Matto Grosso; deputado federal Luiz Ovando; prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad; e a vice-prefeita Adriane Lopes, além dos secretários municipais, vereadores e outras autoridades.

Somente em 2021, 1.264 campo-grandenses foram contemplados com a casa própria através do programa Casa Verde e Amarela. Outros 300 aguardam a conclusão de mais um residencial na Capital neste ano

Davi Nunes Souza, Agehab

Publicado por: Assessoria de Comunicação

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.